siga-nos: | cadastre-se | login | contato

JULIE ANDREWS (1)


Biografia

Uma das mais talentosas e adoradas estrelas da Broadway e de Hollywood, Julie Andrews tem uma notável carreira no cinema, teatro, televisão e na música há várias décadas, tendo recebido inúmeras honras por seus trabalhos. Foi aclamada pela crítica e aplaudida pelo público com sua estréia na Broadway em ''The Boy Friend''. Foi também aclamada com a criação da personagem Eliza Doolittle em ''Minha Bela Dama'' (My Fair Lady), dirigido por George Cukor a partir do roteiro de Lerner e Loewe, com Rex Harrison no elenco. Mais tarde, voltou à Broadway para estrelar ''Camelot'', junto com Richard Burton. Andrews também estrelou a versão teatral de seu sucesso no cinema ''Victor Ou Victoria'' (Victor/Victoria).

Julie Andrews é autora de vários livros infantis, incluindo ''The Last of the Really Great Whangdoodles'' e ''Mandy'', os quais, respectivamente, vêm se mantendo na lista de campeões de venda há 25 anos. Além destes, ''Little Bo'', que foi lançado em 2000 e relançado em 2001 na versão em CD, é um campeão de vendas da Hyperion Books. Julie também é co-autora, junto com a filha Emma Walton, de uma série de livros infantis de sucesso – a série ''Dumpy'', que inclui ilustrações de Tony Walton. A Hyperion Books lançou as duas primeiras edições de Dumpy em 2000. As continuações destes livros são ''Dumpy Saves Christmas'' e ''Dumpy and the Big Storm''.

Entre as séries que fez para a ABC está ''The Julie Andrews Hour'', vencedora de oito prêmios Emmy. Seus outros especiais para televisão são: ''Julie and Carol at Carnegie Hall'' e ''Julie and Carol Together Again'', com a atriz Carol Burnett. Com Christopher Plummer, Andrews atuou no show ao vivo de televisão ''On Golden Pond''.

Entre as diversas atividades beneficentes e filantrópicas das quais participou, recebeu o título de Embaixadora da Boa Vontade das Nações Unidas para a UNIFEM, Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para Mulheres. Em 2001 Julie Andrews foi homenageada pela Society of Singers, durante a celebração de gala, por seu incomparável conjunto de realizações na carreira.