siga-nos: | cadastre-se | login | contato

O DESCARTE

(O Descarte, Brasil, 1973)



Cotação: 5,0 (15 votos)

Gênero: Drama

Duração: 95 min.

Tipo: Longa-metragem / Colorido

Produtora(s): Cinedistri, M.M. Empreendimentos e Comércio


Diretor(es) / Directors


Anselmo Duarte

Roteirista(s) / Writers


Anselmo Duarte
Flávio Vieira ............... História

Elenco / Cast


Glória Menezes ............... Cláudia Land
Ronnie Von ............... Bruno
Fernando Torres ............... Pedro Oliveiros
Mauro Mendonça ............... Aguiar
Rosita Thomaz Lopes ............... Ana
Célia Biar ............... Renata
Leda Valle ............... Lisa
Olivier Perry ............... Eduardo
Vera Gimenez ............... Lilian
Maria Amélia Marcondes Ferraz ............... Teresa
Abel Pera
Alcione Mazzeo
Elisa Fernandes
Carlos Vereza
Ziembinsky¹ ............... Victório Lipp
Carlos Eduardo Dolabella ............... Ricardo
Heloísa Helena
Ibrahim Sued
Enoque Batista
Hyeda Rocha

Fotógrafo(s) / Cinematographers


José Assis de Araújo
Hélio Silva

Produtor(es) / Producers


Anselmo Duarte ............... produtor
Carlos Fonseca ............... produtor executivo
Tarcísio Meira ............... produtor

Compositor(es) / Original Music


Guto Graça Mello

Montagem / Editors


Carlos Coimbra

Desenhista(s) de Produção / Production Designers


Isabel Pancada

Decorador(es) / Set Decorators


Paulo A. Carvalho

Figurinista(s) / Costume Designers


Isabel Pancada

Maquiagem / Make-up


Alda de Jesus

Supervisor(es) de Produção / Production Managers


Hyeda Rocha

Diretor(es) Assistente(s) / Assistant Directors


César Cavalcanti

Departamento de Arte / Art Department


Paulo R. Amaral

Departamento de Som / Sound Department


Geraldo José
Roberto Melo¹
Victor Raposeiro
José Tavares (1)
Roberto Leme

Outros membros da equipe / Miscellaneous Crew


Aurélio Ferreira ............... Assistente de produção
Helena Levier ............... Continuísta
Maurício Miguel ............... Assistente de produção

publicidade

Comentários

 marco nunes

Já assisti em 1974 e gostei muito. O desemprenho de Gloria Menezes é fascinante. Onde posso...
leia mais